JOÃO RAMOS-PCP

João Ramos questionou o ministro da Administração Interna sobre intervenções nas instalações da GNR no distrito de Beja. Para ilustrar as necessidades de intervenção, o deputado referiu os problemas que se arrastam no distrito, dando como exemplo o caso de Ferreira do Alentejo em que não há posto da GNR na sede de concelho há cerca de quatro anos; o caso do comando distrital cujas necessidades de manutenção tem sido sobejamente denunciadas e cuja resolução é esperada há 30 anos e a GNR de Mértola que está instalada no edifício do tribunal. Disse também que o exemplo mais recente é o de Serpa em que existe a eventualidade do encerramento. João Ramos revelou ainda, que o ministro só respondeu ao caso de Ferreira, dizendo que o mesmo vai ficar resolvido em 2014.

O deputado do PCP confrontou, igualmente, o ministro-Adjunto e do Desenvolvimento Regional, responsável pela política de comunicações, com a escandalosa situação provocada pela migração do sinal televisivo para o sistema de Televisão Digital Terreste, referindo que diversas populações do distrito de Beja, denunciaram o problema quer através de petições entregues na Assembleia da República, quer noutras instâncias e que um pouco por todo o distrito, existem problemas de recepção.

Sobre esta matéria, João Ramos afirmou que da parte do Governo, nem uma palavra sobre a situação, mas que o PCP não desistirá de exigir uma solução, para que todos tenham um tratamento igual.


Comente esta notícia