encontro culturas 2018

Com uma organização da Câmara Municipal de Serpa, os espectáculos realizam-se na Praça da República, no Espaço Nora e no Jardim Municipal e têm entradas livre.

Para o Espaço Nora, a programação para o primeiro dia, prevê um espectáculo de música tradicional portuguesa, concertinas, com o grupo Danças Ocultas. Para o dia 8, Fernando Martins é a proposta, com música do Brasil e para sábado, dia 9, é a vez do grupo Acerte, oriundo de Espanha que vai apresentar um espectáculo de música folk.

A promoção da cultura enquanto factor de desenvolvimento e de união entre várias culturas, nomeadamente Portugal, Espanha, Brasil, Angola e Cabo Verde é um dos objectivos deste evento, e que leva a incluir pela primeira vez, o I Encontro Ibérico Associativo de Cultura Popular, centrado na temática do poder transformador da cultura. Este encontro termina com um desfile que parte da Praça da República em direcção ao Castelo, acompanhado por um grupo musical espanhol e dois ranchos folclóricos, um português e outro espanhol.

O dia 10, feriado nacional, Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, fica marcado como o Dia do Cante. Na Casa do Cante, às 14.30 horas, realiza-se uma mesa redonda para “Falar do Cante” com as presenças de Maria do Rosário Pestana, etnomusicóloga, e dos representantes dos grupos corais do concelho, seguida da inauguração de uma exposição de fotografia do pintor Joaquim Rosa. Está ainda programado, a partir das 17.00 horas, um desfile e actuação de ranchos e grupos corais, no Jardim Municipal, e um concerto de encerramento do Encontro de Culturas alusivo ao Cancioneiro de Serpa, às 22.00 horas na Praça da República, com o maestro Nuno Côrte-Real, Ensemble Darcos e Coro Ricercare.



Comente esta notícia