protocolo

A responsabilidade pela gestão da Loja Social passa a estar a cargo da Paróquia e da Cáritas, com base num regulamento que deverá ser aprovado pelo Conselho Local de Acção Social, sob proposta das entidades gestoras.

Neste protocolo, o município ferreirense compromete-se a ceder à Paróquia e à Cáritas a utilização gratuita das instalações e dos equipamentos adstritos à loja social, o fornecimento gratuito de água e electricidade, transporte para recolha das dádivas mais volumosas e apoio na divulgação dos serviços da loja social.



Comente esta notícia