Mértola reunião

Na reunião estiveram presentes representantes dos municípios de Mértola, Alcoutim, Castro Marim e Vila Real de Santo António, da Agência Portuguesa do Ambiente, da Comissão de Coordenação da Região Alentejo, da Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos, do Instituto Hidrográfico, do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas e o Adjunto do Secretário de Estado das Pescas.

Jorge Rosa, presidente da Câmara Municipal de Mértola, afirma que a reunião serviu para delinear os passos a dar de maneira a criar condições para que a obra possa avançar. Ainda de acordo com Jorge Rosa, a ideia é que no final do primeiro trimestre de 2021 seja possível abrir o canal para que o Guadiana fique navegável entre Mértola e Vila Real de Santo António.



Comente esta notícia