Depósito Votivo Garvão
Esta mostra resulta de um projecto de investigação acolhido pelo Município de Ourique e desenvolvido em parceria entre Direção Regional de Cultura do Alentejo, o Laboratório HERCULES da Universidade de Évora e o Centro de Estudos de Arqueologia, Arte e Ciências do Património da Universidade de Coimbra. Uma exposição apresentada por Marcelo Guerreiro, presidente da Câmara Municipal de Ourique.

O Depósito Votivo, datado do séc. IV-III a.C., é um testemunho arqueológico a que os especialistas atribuem uma importância extraordinária, quer por se tratar de uma estrutura associada a um complexo religioso, quer pelo notável conjunto de objectos ali encontrados em 1982, que se destinariam sobretudo a funções culturais.

A transferência deste espólio para o Centro de Arqueologia de Ourique, criado para esse fim, constituiu o ponto de partida do trabalho de que agora se dá conhecimento ao público, quer presencialmente, na sala de exposição, quer através dos conteúdos multimédia igualmente desenvolvidos e agora disponibilizados.

As entidades envolvidas nesta parceria, para além do conhecimento mais aprofundado sobre o Depósito Votivo de Garvão e a história da região na II Idade do Ferro, estabeleceram como objectivo para este projecto a promoção e valorização do património histórico e cultural, factor de qualificação do território.

Comente esta notícia