Igreja do Espírito Santo Moura
"Reabilitação e Gestão de Edifícios Históricos" é o mote para um colóquio que vai decorrer, esta tarde, a partir das 18.30 horas, na Igreja do Espírito Santo na cidade de Moura. Uma iniciativa que surge a pretexto da conclusão das obras de reabilitação e restauro daquele espaço que se encontrava bastante degradado quando foi adquirido há uns anos pela autarquia.
Santiago Macias, vereador da autarquia de Moura, afirma que a Igreja do Espírito Santo vai ser utilizada como um espaço polivalente mas a principal vertente vai ser uma galeria de exposição.
Ainda segundo Santiago Macias a aposta da autarquia é dar nova vida a espaços de referência que estavam degradados e só depois opta por novas construções.
Para além de Santiago Macias, vereador da autarquia de Moura, participam no colóquio desta tarde, Vítor Mestre, arquitecto e autor do projecto de reabilitação da Igreja do Espírito Santo, Ana Paula Amendoeira, presidente da Comissão Nacional do ICOMOS, António Prates, galerista e dirigente do Centro Português de Serigrafia, António Vasques, técnico da EMPRIPAR e Joaquim Caetano, historiador de Arte.

Comente esta notícia