Feira do Queijo 2017

Estes acordos protocolares dão continuidade à estratégia municipal no âmbito do apoio ao desenvolvimento económico do concelho e os lotes em causa destinam-se à concretização de projetos ligados à produção de queijo, a produtos em modo biológico e biodinâmico, à construção civil e à mecânica automóvel, bem como à ampliação de empresas já existentes.

O documento da Câmara de Serpa refere ainda, que estão a decorrer os processos de expansão das ZAE de Pias e Vila Nova de S. Bento e da Zona Industrial de Serpa, com o objetivo de potenciar novos investimentos nomeadamente na agro transformação.


Comente esta notícia