Biblioteca Odemira

Em "O Mel e as vespas", Fernando Évora revisita, de forma original, parte da história de Portugal do século passado, a partir das histórias da infância de Júlio, narradas pela sua avó Maria Dulce e vividas em Cancino, vila perdida na serra algarvia. Um romance que prende o leitor, tal como as suas personagens de carne e osso, descritas com a simplicidade e o peculiar humor do autor.

Fernando Évora nasceu em Faro, em 1965. Em 1986 mudou-se para Évora, onde se licenciou em ensino de História. Lecionou em Évora, Vila Real de Santo António e Odemira. Atualmente vive em S. Teotónio. Colabora com o "Clube dos poetas vivos" em S. Teotónio, participando na organização de "Tertúlias literárias", e com o grupo de teatro "Os Pés Descalços". É membro fundador da ASSESTA -Associação de Escritores do Alentejo.




Comente esta notícia