GNR operação na estrada

Durante este período, que tradicionalmente provoca grandes movimentações de tráfego rodoviário, estão empenhados militares da Unidade Nacional de trânsito e dos comandos territoriais, que realizam ações preventivas com intuito de reduzir a sinistralidade rodoviária, dando especial atenção aos comportamentos dos condutores que coloquem em causa a sua segurança e a de terceiros.

A fiscalização incide, prioritariamente, no cumprimento das regras de trânsito, designadamente, no que respeita às manobras de ultrapassagem, mudança de direção, posição de marcha, inversão do sentido de marcha, cedência de passagem e distância de segurança; no excesso de velocidade; na falta de habilitação legal; na falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistemas de retenção; no uso indevido do telemóvel no exercício da condução e na condução sob a influência do álcool e de substâncias psicotrópicas.


Comente esta notícia