Os Verdes

Um dos destaques destas jornadas está na eletrificação da linha ferroviária entre Casa Branca e Beja, uma das medidas para combater a interioridade, facilitar a mobilidade, potenciar a atração de empresas e gerar mais postos de trabalho, desenvolvendo o turismo, ajudando na fixação de pessoas, alavancando o potencial do terminal aeroportuário de Beja, ou seja, como forma de promover o desenvolvimento económico, social e ambiental do distrito de Beja. Esta foi uma das propostas que o PEV viu aprovada em sede de OE2019.

Hoje, no trajeto que “os Verdes” fizeram de comboio até Beja, verificaram os atrasos nas ligações, de que tanto se queixa a população. Neste contexto, a deputada Heloísa Apolónia explicou que esta foi a razão de se ter chegado uma hora mais tarde a Beja.

Heloísa Apolónia disse, ainda, que esta situação demonstra que há uma degradação na capacidade de resposta da rede ferroviária, derivada do estado de degradação dos equipamentos circulantes e que esta questão tem de ser alterada, estando “Os Verdes” a trabalhar nesse sentido.

As Jornadas Parlamentares culminam a campanha iniciada pelo PEV, em que vários dirigentes percorreram concelhos dos 3 distritos alentejanos mais afetados, pelo olival intensivo, onde foram colocadas 500 bandeiras negras a assinalar estes locais nos distritos de Portalegre, Évora e Beja.


Comente esta notícia

Galeria de fotos