Partido Comunista Português

A notícia foi avançada pelo jornal "Público" e nela pode ler-se que "o Partido Comunista Português está a preparar os milhares de folhetos que vai distribuir pelo país, durante os primeiros seis meses deste ano, assim como os outdoors e pendentes que serão distribuídos pelas ruas durante a campanha que defende que Portugal prepare a saída do euro e a renegociação da dívida".

"Os meses fortes da campanha começam em março, com a mobilização a sair para a rua, empresas e universidades. Prevê-se, igualmente, o agendamento de manifestações nas ruas e de comícios, bem como a apresentação de iniciativas legislativas na Assembleia da República, entre maio e junho e no Parlamento Europeu", refere também, o "Público".

Em Fevereiro é publicada uma brochura com um texto coletivo que sistematiza a posição do PCP sobre a matéria e o "diagnóstico" da situação atual e futura do país.



Comente esta notícia