carta pedro do carmo
Uma carta para divulgar os motivos que o levam a recandidatar-se à Presidência da Federação do Baixo Alentejo do Partido Socialista.

Pedro do Carmo, que assume a disponibilidade para continuar o trabalho iniciado, na Federação do Baixo Alentejo, em prol de um novo futuro para a região, afirma que a carta apresenta a moção que vai levar ao Congresso Federativo, que se realiza a 13 de Março, em Moura, órgão que reunirá 167 delegados oriundos de todos os concelhos do baixo alentejo, vários autarcas do Alentejo, deputados e ex-deputados socialistas.

Quanto às criticas que têm surgido de que o Orçamento de Estado para 2016 abandona o Baixo Alentejo, Pedro do Carmo garante que, no Congresso, vai falar com os militantes sobre o investimento que está a ser feito no Baixo Alentejo e acrescenta que este é o início da governação, não o fim.

Comente esta notícia