FIALHO DE ALMEIDA

O acordo firmado pelas três entidades tem como objetivo a colaboração entre os parceiros, no âmbito do Prémio Literário em causa, assim como nas atividades/iniciativas de promoção da literatura/cultura, a realizar no Museu Literário Casa Fialho de Almeida, que foi inaugurado no passado dia 10.

Este Prémio Literário, de âmbito nacional e internacional, dá visibilidade ao escritor, tal como refere João Português, presidente da Câmara Municipal de Cuba.

Ana Paula Amendoeira, diretora Regional de Cultura do Alentejo, frisa que este Prémio Literário promove o concelho de Cuba e o seu património cultural. Neste contexto, Ana Paula Amendoeira referiu que a literatura é uma dimensão de futuro e que é de relevar o facto, de um município como o de Cuba ter optado por investir nesta área.

Francisca Bicho, presidente da Associação Literária Fialho de Almeida, explica o trabalho que é desenvolvido no âmbito da promoção da leitura da obra do escritor.

Excertos da entrevista que pode ouvir hoje, no Jornal das 17.00 horas, no espaço “A semana vista por...”, com João Português, presidente da Câmara Municipal de Cuba; Ana Paula Amendoeira, diretora Regional de Cultura do Alentejo e Francisca Bicho, presidente da Associação Cultural Fialho de Almeida sobre o Prémio Literário Fialho de Almeida.


Comente esta notícia