Presépio Tradicional Português

A cerimónia realiza-se às 18.30 horas e conta com a atuação do Coro do Carmo de Beja, sob a direção artística do maestro Padre António Cartageno.

Esta é uma iniciativa da responsabilidade da Diocese e Câmara de Beja, assim como do Centro Unesco para a Arquitetura e Arte Religiosa.

No Alentejo, o Departamento do Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja tem vindo a "terçar armas" pela manutenção dos Presépios tradicionais da região, cujas raízes ascendem à Idade Média, verificando-se o auge desta manifestação artística e devocional no século XVIII, sob os auspícios do Barroco. Em 2014, um Presépio alentejano esteve montado na Basílica de Nôtre-Dame de Fourvière, em Lyon, a convite das autoridades desta cidade, e recebeu a visita de mais de um milhão de pessoas, sendo distinguido com um galardão internacional para "Historical Cribs" (Presépios Históricos), refere a nota de imprensa enviada à nossa redação, pelas entidades organizadoras.


Comente esta notícia