Médico

 

Segundo o PS “as questões de dificuldades mais prementes estão relacionadas com a falta de recursos humanos, particularmente no que diz respeito à falta de médicos, dificuldades comprovadas aquando do lançamento do último concurso para novos médicos que acabou por ficar com muitas vagas por preencher”.

O PS considera, no entanto, que “há aspectos muitos positivos a destacar como sejam a redução das listas de espera", e "os novos equipamentos de imagiologia" num investimento de cerca de 2 milhões de euros” assim como, “a aprovação já conseguida da candidatura para o equipamento de ressonância magnética”.

Pelo distrito, o PS salienta “a construção de um novo Centro de Saúde em Vidigueira e a entrega da candidatura para o Centro de Saúde de Ourique, na sequência da abertura do aviso que será publicado ainda esta semana”. Destaque ainda para “as obras já concluídas da extensão de Messejana” e a “requalificação do Centro de Saúde de Mértola” a iniciar brevemente.

No final do comunicado uma referência “ao compromisso conseguido para o investimento de 25 milhões de euros na requalificação do Hospital de Beja”.



Comente esta notícia