Álvaro Azedo

Álvaro Azedo, presidente da Câmara de Moura, afirma que não é incoerente e esclarece onde está a confusão da CDU, frisando que há um interesse claro em confundir as pessoas.

Álvaro Azedo explica ainda, que os documentos tinham de ser aprovados, para cumprir a lei e que tudo o que se refere às contas vai ficar esclarecido em abril, de 2018, quando sair o resultado da auditoria.


Comente esta notícia