Justiça

Aproximar a justiça das pessoas foi o objetivo identificado pela ministra da Justiça, quando anunciou aquela medida e no Alentejo, o tribunal de Portel volta a abrir as suas portas e o de Moura vê recuperados serviços, já a partir deste mês.

No Alentejo também Almodôvar e Ourique passam a ter competências em Família e Menores e na Secção de Proximidade de Mértola passa a ser obrigatória a prática de atos judiciais.


Comente esta notícia