somincor entrada

"Trata-se de um reconhecimento importante para os trabalhadores desses setores que reforça o sentido de justiça social e de reconhecimento da especificidade das condições de desempenho de funções. Uma alteração que contemplará trabalhadores que na região dão um contributo importante para o desenvolvimento integrado da atividade mineira", refere Pedro do Carmo.

Em nota de imprensa, o deputado do PS, eleito por Beja, refere, igualmente, que “depois do Governo do Partido Socialista ter aprovado a minuta do contrato fiscal de investimento a celebrar entre o Estado e a SOMINCOR – Sociedade Mineira de Neves Corvo, em Castro Verde, tendo em vista um investimento de 256,6 milhões de euros, através da atribuição de um crédito fiscal em sede de IRC de 9%, e isenção em sede do Imposto do Selo até ao montante máximo de 16,7 milhões de euros, este impulso do parlamento contribui para o reconhecimento da importância dos trabalhadores e da empresa para a economia nacional.”

Pedro do Carmo recorda, ainda, que o projeto “prevê a criação de 38 postos de trabalho até 31 de dezembro de 2021 e a manutenção de todos os postos até 31 de dezembro de 2027.”


Comente esta notícia

Galeria de fotos