Rota do Cante e do Vinho de Talha

Trata-se de um passeio turístico, organizado pela Tertúlia do Ferodo Queimado, em estreita colaboração com o Município e as juntas de Freguesia do concelho de Cuba, que é destinado a veículos clássicos e desportivos.

O Passeio, tal como o nome sugere, tem no cante alentejano, os seus mais altos momentos, mas valoriza. igualmente, as componentes do convívio, do turismo, e da gastronomia próprios da região, possibilitando aos participantes a oportunidade de conhecer, aprender e saborear o que de melhor este território tem para oferecer. Durante três dias cerca de 100 pessoas, de todo o país, de Espanha e de Inglaterra, passam um fim de semana em Cuba, esgotando alojamento e restauração e brindando a população com um desfile de carros antigos das décadas de 60, 70 e 80.

A rota tem um limite de inscrições de 40 veículos, mas este ano já ultrapassou este número, avançou à Voz da Planície, Rui Alves, mentor e responsável pela organização desta iniciativa. Rui Alves explicou também no que consiste esta rota.

O passeio, tal como o nome sugere, tem no cante alentejano os seus mais altos momentos. mas onde não são desvalorizadas as componentes do convívio, do turismo e da gastronomia próprios da região, tal como explica à nossa estação José Roque, que apoia Rui Alves na organização do evento.

O programa tem início nesta tarde de sexta-feira, com a receção aos participantes para um “Cuba de Honra”, com vinho de talha, na Biblioteca Municipal e um jantar, o mais fiel possível às melhores tradições da gastronomia alentejana, seguido de uma Noite Cubense.

Seguem-se depois dois dias de passeio e convívio por todas as freguesias do concelho de Cuba, com destaque para o “Património Paisagístico das Vinhas”, uma disputa para “verificar quem tem os melhores travões”, visitas às ermidas, um “Sunset”, um desfile automóvel noturno, “visitas a adegas modernas e tabernas típicas, onde será possível comprovar a qualidade dos preciosos e seculares vinhos produzidos nesta região”, bem como uma passagem pela “sede do 3º Grupo Coral mais antigo do País ainda em atividade – Os Ceifeiros de Cuba, local onde será servido o olmoço de Encerramento”, no domingo, dia 10.

Conheça o programa em detalhe em http://cm-cuba.pt/index.php.


Comente esta notícia