rota pela floresta

De acordo com a Câmara Municipal de Serpa, esta iniciativa “pretende constituir uma ação catalisadora de sinergias entre escolas e as respetivas autarquias, com o principal objetivo de contribuir para a proteção dos ecossistemas do município”.

As atividades desenvolvidas no âmbito deste projeto “devem promover a mobilidade sustentável e por em prática o exercício da cidadania alertando para os direitos, deveres e responsabilidades de cada um dos intervenientes”.

No concelho de Serpa, por existirem apenas espécies autóctones, as atividades vão ser desenvolvidas “em torno do montado, olival tradicional e outros ecossistemas” e vão ser levadas a cabo pela Escola Secundária de Serpa, Escola Profissional de Desenvolvimento Rural de Serpa, Escola Básica 2,3 Abade Correia da Serra, Escola Básica 2,3 de Vila Nova de São Bento e, ainda, pela Escola Básica Integrada de Pias.

As atividades decorrem até ao dia 16 de abril, “e cada escola vai desenvolver iniciativas de plantação de árvores, caminhadas e passeios em zonas de montado e olival, circuito dendrológico e sessões sobre de sensibilização sobre a temática”.



Comente esta notícia