campanha STAL

Sensibilizar as entidades empregadoras e a população para a urgente e necessária melhoria das condições em que laboram milhares de trabalhadores no sector da administração local é o principal objectivo.

Vasco Santana, dirigente do STAL em Beja, afirma que esta campanha, que na próxima semana vai chegar a esta região, inclui três iniciativas.

Entretanto o STAL, convocou uma greve nacional de 24 horas para o próximo dia 26, juntando-se assim à paralisação decidida por diversas estruturas da Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública. Vasco Santana, espera que seja uma “grande greve” e recorda que a principal reivindicação passa por aumentos salariais dignos em 2019.

A greve convocada pelo STAL abrange todos os trabalhadores, da Administração Local e Regional, independentemente do respectivo tipo de vínculo, empresas municipais, inter-municipais, multi-municipais, fundações e outras empresas, designadamente concessionárias e prestadoras de serviços, de natureza pública ou privada, bem como os que exercem funções nos estabelecimentos públicos de educação e ensino não superior, nas Associações Humanitárias de Bombeiros e nas IPSS e, ainda, os colocados pelos Centros de Emprego.












Comente esta notícia