Pedro Marques

As questões sobre os investimentos na região foram colocadas ao ministro do Planeamento e infraestruturas pelos três deputados, do PS, PCP e PSD, eleitos pelo distrito e na resposta Pedro Marques falou sobre a rodovia e a ferrovia, mas nada disse sobre o Aeroporto de Beja.

O ministro do Planeamento e Infraestruturas apontou a responsabilidade de continuar fechado o troço da A26, já concluído, à concessionária, porque não tem praça de portagens. Pedro Marques assegurou que não há condições para abrir por este motivo. Quanto aos investimentos na rodovia avançou que estão a ser pensados no Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030 e garantiu que o concurso para estudar a eletrificação da ligação ferroviária Beja/Casa Branca será lançado até final do ano. Não se percebe, contudo, na resposta do ministro para quando se poderá contar com o investimento de eletrificação da linha do Alentejo.



Comente esta notícia

sempre foi assim com o Alentejo despresado sempre ,e o posso Alentejano também , não a justiça ,Aeroporto pronto , dinheiros dos contribuintes gastos sem utelidade , bastava força de vontade , comboios rapidos tipo Alfa ---Beja - Lisboa assunto resolvido de imidiato

revez

13/11/2018