semana saude mental
Chamar a atenção pública para a questão da saúde mental global e sinalizar que é uma causa comum a todos os povos, ultrapassando barreiras nacionais, culturais, políticos ou socio-económicas e combater o preconceito e o estigma são alguns objectivos deste dia.

Neste âmbito, a Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, em parceria com Plano Nacional de Saúde Mental, a Associação Psiquiátrica Alentejana, a ARIS da Planície e a Hapinez, promove, a partir de hoje e até 6ªfeira, a Semana da Saúde Mental, como afirma Ana Matos Pires, directora do Serviço de Psiquiatria e Saúde Mental da ULSBA.

Ainda segundo, Ana Matos Pires ao longo destes dias vão ser abordadas diversas temáticas relacionadas com a saúde mental.

Neste primeiro dia, destacamos, a partir das 10.00 horas, na Sala de Conferências do Hospital José Joaquim Fernandes, uma dupla conferência. Luiz Gamito, presidente do Colégio da Especialidade de Psiquiatria da Ordem dos Médicos, vai abordar o tema "Psiquiatria em Portugal" segue-se, António José Albuquerque, Presidente da Associação Psiquiátrica Alentejana, que vai fazer uma apresentação desta associação.

Às 18.00 horas, na Santa Casa da Misericórdia de Beja, realiza-se um Fórum de Discussão intitulado "Saúde Mental no Baixo Alentejo" que vai contar com as presenças dos deputados eleitos pelo círculo de Beja, João Ramos, do PCP, Pedro do Carmo, do PS e Nilza de Sena, do PSD. No mesmo local, é inaugurada uma exposição que reúne trabalhos de doentes do Hospital de Dia do Serviço de Psiquiatria da ULSBA, Cercibeja, Cercicoa e Centro de Paralisia Cerebral de Beja.

Hoje está ainda prevista, nas escolas Mário Beirão e Santa Maria, a acção "Promoção e prevenção de saúde mental em contexto escolar: promoção de competências sociais" a cargo de profissionais do serviço de pedopsiquiatria da ULSBA, nomeadamente, Maria João Dores, técnica superior de educação especial e reabilitação e de Ana Colaço e Luís Botelho, enfermeiros especialistas.

Comente esta notícia