Vinho e vinha

Os vinhos do Alentejo revelam-se, hoje e amanhã, aos consumidores de Lisboa. Mais de 300 vinhos de toda a região, muitos dos quais do Baixo Alentejo, vão estar para prova no Centro Cultural de Belém.

"A Grande Lisboa é um dos principais mercados internos para os vinhos do Alentejo", disse a presidente da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana, Dora Simões, ao acrescentar que "a realização deste evento permite reforçar o posicionamento dos nossos vinhos nesta região".

Com o objectivo de captar novos públicos, Dora Simões sublinhou que esta é uma "oportunidade privilegiada para os agentes económicos alentejanos tomarem o pulso aos consumidores, percebendo a evolução de gostos e tendências. Na apresentação dos vinhos vão estar muitos produtores que, assim, mostram directamente aos consumidores o que está por detrás das marcas, explica Dora Simões. 

A par de provas comentadas de vinhos há ainda conversas sobre o vinho e música ao vivo.

Com oito sub-regiões vitivinícolas - Vidigueira, Moura, Granja/Amareleja, Reguengos de Monsaraz, Évora, Redondo, Borba, Portalegre - o Alentejo possui 22 mil hectares de vinha. Os vinhos da região são exportados para os quatro cantos do mundo, com destaque para Angola, Brasil, Estados Unidos e Canadá.  


Comente esta notícia