LOGO DA CÁRITAS DIOCESANA DE BEJA

A Cáritas Diocesana de Beja é a entidade convidada, esta terça-feira, pela Voz da Planície, para apresentar o balanço do ano e perspetivar 2015.

O ano que agora termina fica marcado pela alteração de liderança na Cáritas. Teresa Chaves passou, no mês de outubro, o testemunho a Florival Silva, que pertencia já à direção da instituição.

No olhar sobre estes 12 meses de trabalho, Florival Silva refere o esforço financeiro realizado para assegurar o Serviço de Apoio Social que beneficiou, até setembro, mais de 900 pessoas e concedeu apoios financeiros diretos na ordem dos 37 mil euros. Atividade desenvolvida com fundos próprios, reforçados por verbas provenientes da Diocese de Beja, refere o presidente da Cáritas Diocesana.

Neste ano que agora termina sublinha-se ainda como muito importante todo o trabalho desenvolvido pela Comunidade de Inserção, onde vivem 16 pessoas e pela Comunidade Terapêutica.

Para o próximo ano, além de manter todos estes projetos, a Cáritas Diocesana de Beja pretende apostar no reforço da cooperação com outros movimentos sociais da Igreja e civis.


Comente esta notícia