EDIFÍCIO DO COMANDO TERRITORIAL DE BEJA DA GNR
A APG-Associação dos Profissionais da Guarda vem, em nota de imprensa, afirmar que tinha razão quando veio a público, em Novembro de 2012, alertar para a gravidade da degradação e desadequação da maioria das instalações da GNR no distrito. Um alerta que agora foi deixado pelo Comandante na cerimónia do 4º aniversário do Comando Territorial de Beja.
A situação é de tal maneira grave que a APG afirma mesmo que há locais de serviço sem o mínimo de condições de habitabilidade e dignidade, quer para os profissionais quer para os cidadãos que ocorrerem aos serviços da Guarda.
António Barreira, coordenador da delegação Sul da APG, destaca ainda a coragem e o sentido de responsabilidade do Comandante do Comando Territorial de Beja ao chamar a atenção para estas carências que não se prendem só com as instalações porque a falta de meios-auto é outra preocupação.
Por tudo isto, a APG exige uma tomada urgente de medidas porque só assim é possível a GNR prestar um serviço de excelência aos cidadãos.  

Comente esta notícia