Sessão Arqueologia

A iniciativa conta com a participação das arqueólogas Susana Correia e Carolina Grilo, a apresentação de Florival Baiôa e a moderação de Miguel Serra.

Segue-se uma visita guiada ao Núcleo Museológico do Sembrano, pelas 17.45 horas, numa iniciativa organizada pela Associação de Defesa do Património de Beja, com o apoio da Câmara Municipal de Beja e do Centro UNESCO para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial de Beja.

“O Núcleo Museológico da Rua do Sembrano em Beja constitui-se como uma verdadeira janela para o passado da cidade. Através da transparência do seu chão podemos olhar directamente para as várias histórias que Beja esconde no subsolo”.

“Uma muralha pré-romana revela um passado longínquo que nos era desconhecido, as termas privadas de uma casa romana transportam-nos para a antiga capital administrativa que era Pax Iulia, silos que perfuram a rocha indiciam a presença de ocupantes islâmicos e muitos outros vestígios nos contam como era Beja”.

“São estas estórias da história de Beja que nos serão contadas pelas arqueólogas que ali escavaram vestígios de diferentes épocas para revelarem o passado oculto sobre os nossos pés. Irão dar voz aos indivíduos anónimos que construíram muros e casas ao longo dos tempos, mas também nos contarão a história de como se removeram terras e pedras até se construir o núcleo museológico que salvaguardou estas memórias tornando-as acessíveis a todos nós”.


Comente esta notícia